Recomendações para as Férias

DestacadoRecomendações para as Férias

Algumas recomendações para as férias.

Série

Merlí

Merlí

Uma das pérolas escondidas no catálogo do Netflix é a série Merlí.

Produzida para a TV na Catalunha, fez enorme sucesso local, antes de ser distribuída no mundo pela Netflix. Trata-se da história de um professor de filosofia, o personagem do título, que começa a lecionar para a turma de seu filho adolescente.

 Várias coisas interessantes chamam atenção na série. Um exemplo é a língua. O catalão, que soa como uma mistura de espanhol, francês e português, remetendo ao latim, é uma delícia de se ouvir.

Ou a abertura, em que uma mosca voa ao som do Vôo do Besouro, de Nikolai Rimsky-Korsakov. O inseto é referência a Sócrates, que, dizia-se, era uma mosca chata a importunar os atenienses com seus questionamentos e desafios. Uma metáfora para toda filosofia e seus idólatras pentelhos. Fonte (http://www.huffpostbrasil.com/guilherme-spadini/merli-como-ser-um-bom-mau-carater_a_22078644/  ).

Entrevista

Juca Kfouri

O melhor jornalista esportivo do país Juca Kfouri concede entrevista a TVT e fala abertamente sobre esporte e política no Brasil.

Entre Vistas- Juca Kfouri

Textos

img_6887

Textos do incrível jornalista Lúcio de Castro. O primeiro fala da relação promiscua e criminosa entre o então governador Sérgio Cabral e o Maracanã. O segundo faz uma análise perfeita sobre a situação de exclusão e abandono social do país através do caso de roubo de cargas transmitida ao vivo pela televisão.

Sérgio Cabral e a farsa que destruiu o Maracanã: nunca houve a exigência da Fifa usada como justificativa

O incrível não é o roubo do caminhão. O escândalo é que na favela da Pedreira a expectativa de vida é igual a do Haiti.

Livro

Um Preço Muito Alto – A Jornada de Um Neurocientista Que Desafia Nossa Visão Sobre Drogas

Um livro que tenho que terminar de ler, mas pelo pouco que eu li (73 páginas) já me fez refletir sobre diversos aspectos não só sobre as drogas, mas também sobre questões sociais e educacionais.

SINOPSE
UmPrecoMuitoAltoNa juventude, Carl Hart levou a vida das ruas, nos guetos de Miami. Hoje ele é um neurocientista respeitado – o primeiro professor negro de ciências da Universidade Columbia -, cujas pesquisas pioneiras e polêmicas estão redefinindo nossa compreensão do vício. Nesse polêmico relato autobiográfico, o autor rememora sua jornada de autodescoberta, interligando passado e presente. Indo além do alarde e dos exageros do movimento antidrogas, examina a relação entre drogas, prazer, escolha e motivação, tanto no cérebro quanto na sociedade. Suas descobertas lançam novas luzes sobre ideias correntes a respeito de raça, pobreza e drogas, explicando o fracasso das atuais políticas nesse terreno. Uma história forte de esperança, contada por um cientista que dedicou sua vida a ajudar os outros, Um preço muito alto vai mudar a maneira como pensamos sobre as drogas – e também como podemos promover mudanças.

UM PREÇO MUITO ALTO – Melhor preço encontrado em uma pesquisa rápida.

Obs: professor de férias não esquece do ofício.

Anúncios

Lá, cá e aqui!

Lá, cá e aqui!

Temer é um gênio. Conseguiu a menor inflação dos últimos 20 anos. Sabem como? Aumentado em quase 25% o preço da gasolina. Mas não seria para aumentar a inflação ao invés de diminuir? Aí que esta a genialidade. Com a gasolina a esse preço as pessoas não conseguem mais sair de casa, portanto, não vão mais aos supermercados, lojas e etc…

IPVA_2018_MG

Cá aqui em MG o Detran (do chefe de 120 pontos na carteira) divulgou amplamente que seria possível parcelar o IPVA pelo cartão de crédito. Já estava desconfiado da benevolência do governo. As pessoas ao irem pagar parcelado foram surpresas com as elevadas taxas de juros nas parcelas. O cidadão ao pagar parcelado em 12 vezes acaba pagando quase dobrado o imposto. Então que tá apertado a tendência é ficar ainda mais!Absurdo! Crime!

cancelado-1440x764_c

Aqui pelas bandas da Zona da Mata o assunto é carnaval! Deixar de investir no carnaval com desculpa de que irá investir em saúde e educação é atestar a nossa pobreza cultural, social e política.

Não vou me adaptar!

Não vou me adaptar!

Começamos o ano de 2018 com o 13º Salário parcelado em 4 vezes e a notícia do “benevolente” governador Fernando Pimentel que decidiu diferenciar a data do IPVA para funcionários do Estado com o 13º parcelado.

Já Pensaram se a moda pega? Todo ano com 13º parcelado e diferenciação da data do pagamento para nós, funcionários públicos?

27-12-2017-pagamento-do-13-Salario-06

Outra medida que é comemorada e divulgada por professores é uma ideia legislativa que tem por objetivo por fim a cobrança de imposto de renda para professores da educação básica. A ideia legislativa ( https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaoideia?id=90651)  recebendo uma quantidade de apoios será debatida pelos senadores, diz o site do senado.

15977574_1596838743665308_3827730036703115911_n

É isso mesmo que queremos? Privilégios? Benefícios? Nos distanciarmos do resto dos trabalhadores?

Eu não vou me adaptar! Quero apenas ter a Dignidade de receber em dia, um valor justo pelo meu trabalho e pagar imposto como todos os trabalhadores, conforme a lei vigente.

Não podemos nos adaptar a esta AGENDA que colocará o trabalho do professor de educação básica cada vez mais marginalizado, desvalorizado e com isso tornar o ensino público cada vez mais de pior qualidade.

 A defesa da nossa própria pele (salários, carreira, 13º) deve estar atrelada sempre a defesa da educação pública, gratuita e de qualidade!

Um 2018 de muito trabalho quando tiver que ser de trabalho, e muita greve  quando tiver que ser de greve, para nós professores!

Câmara Municipal de Leopoldina. Redução Salarial Já!

ueujgadyjzrizvx-800x450-nopadO movimento para redução salarial dos vereadores de Leopoldina é inspirado em diversas cidades do Brasil que já adotaram essas medidas e é assunto atual nas redes sociais. Diversas pessoas tem chamado a atenção para o alto salário dos vereadores e queremos uma redução salarial já para o mandato 2017/2020.

Uma cidade que recursos para saúde e educação são escassos não pode dar ao luxo em pagar um salário exorbitante para cada vereador. A economia gerara em 4 anos seria enorme, com recursos melhor empregados em saúde e educação, por exemplo.

Além do mais, esta pode ser uma medida eficaz contra dois problemas atuais na nossa cidade, a compra de votos e políticos se servindo dos cargos públicos e não servindo a população através de seus mandatos.

Vamos fazer esse abaixo assinado chegar na câmara municipal! Assine!!

https://www.change.org/p/c%C3%A2mara-municipal-de-leopoldina-c%C3%A2mara-municipal-de-leopoldina-redu%C3%A7%C3%A3o-salarial-j%C3%A1

Preços em Buenos Aires Argentina Outubro 2016

Preços em Buenos Aires Argentina Outubro 2016

Pessoal, realizei recentemente uma viagem para Buenos Aires. Já havia visitado a cidade e a situação lá está bem diferente. Como não encontrei informações atuais sobre os preços na cidade resolvi escrever este post, com dicas de viagem também.

A viagem aconteceu em Outubro de 2016. Com a chegada de Macri na presidência do país houve aumento dos preços e elevação da inflação ( que já era alta). Isto causou a disparada dos preços e notícias como essas: Argentinos fazem fila de 15 km para comprar muito mais barato no Chile (http://brasil.elpais.com/brasil/2016/10/10/internacional/1476123604_147462.html).Buenos Aires que era uma cidade barata se tornou uma cidade cara, parecida com as cidades grandes do Brasil.

Hospedagem

O preço com a hospedagem não teve uma alteração significativa. Fiquei no Hostel Suites Florida (veja preços no Booking). Um quarto de casal e um quarto triplo. 5 pessoas. O hostel é bem localizado e oferece um conforto e estrutura razoável. Paguei cerca de R$ 50,00 reais por dia. Ficamos  6 noites. Acho que vale a pena economizar com hospedagem para gastar com outras coisas em uma viagem. O tempo que se passa dentro de um hotel é mínimo.

Transfer

Fizemos o Transfer Ezeiza – Centro por R$100,00 reais o carro na ida e $ 400 pesos na volta. Se quiserem me perguntem o contato.

Câmbio

Macri acabou com o controle do câmbio. Pensei que o câmbio paralelo tinha diminuído.Pelo contrário, Talvez até aumentou. A rua Florida continua cheia de gente oferecendo câmbio ( e shows de Tango e passeios). O pouco que perguntei a cotação do Real estava abaixo das casas de câmbio oficiais. Então, preferi trocar na Maguitur (Sarmiento, 464). Cotação melhor que o Câmbio Alpe e Multifinanzas. Troquei em diferentes dias entre $ 4,70 e $4,80.

Levei alguns dólares para pagar o hostel, resolvemos pagar em pesos ao invés de dólar. A cotação no câmbio oficial estava $ 14,95 e no paralelo $ 15,40. Troquei a $15,35 no paralelo pois a mulher combinou 15,40 na rua e na subida no elevador chorou para 15,35 preferi aceitar. Vou falar no post os valores em pesos, então dividam por $4,70 ou $4,80.

Maguitur Câmbio
Maguitur Câmbio

img_20161020_020622982

Transporte

É possível conhecer Buenos Aires através dos transportes públicos. Utilizei nesta viagem o Subte (o nome do metrô de lá) , ônibus e táxi. Ao comprar passagens para o Subte fui surpreendido, não se vende mais o bilhete individual tive que comprar o cartão do SUBE e recarregar na bilheteria. Comprei o cartão em um kiosco próximo a bilheteria, me cobraram $40 pesos, depois acessando o site vi que o cartão custa $25 pesos. Este cartão pode ser utilizado no metrô, em ônibus e nos trens. Aquela história de utilizar moedas para pagar o ônibus não sei se está valendo mais, pois para utilizar o ônibus nos cobraram apenas o cartão.

SUBE
SUBE

A passagem de Subte custa $4,50 pesos, ainda bem barato.  Usei ônibus para ir da Praza Itália ao Zoológico Temaikèn em Escobar, cerca de 1 hora e 15 de viagem. Paguei cerca de $ 30 pesos. O valor da passagem de ônibus em Buenos Aires varia com o trajeto, ao entrar no ônibus é preciso falar o destino. O táxi está mais caro, mas nenhum absurdo. Uma corrida do centro (corrientes com florida) para Recoleta cerca de $60 pesos e do Obelisco ao Caminito cerca de $ 100 pesos. Foi o trajeto que utilizamos.

Zoológico Temaikèn

Preço de $375 pesos por pessoa. Comprando online $299 pesos, mas pelo valor do câmbio e IOF acho que não vale a pena. Zoológico bonito, boa estrutura, é um bom passeio. Mas, achei com pouca quantidade de animais pelo tamanho do lugar Esperava ver mais animais.

Jardin Japonês

$70 pesos a entrada. Lugar lindo. Recomendo a visita iniciando na saída do metrô na Plaza Itália, ir para o Rosedal, depois Planetário, Jardim Japonês, MALBA (100 pesos a entrada), Floralis Generica, Museu Nacional de Belas Artes e encerrando o passeio no Centro cultural e cemitério na Recoleta. A caminhada é longa, porém muito agradável, com lindas paisagens. Na Av. Pres. Figueroa Alcorta existem casas e paisagens lindas.

Rosedal
Rosedal.
Rosedal - Palermo
Rosedal – Palermo
Jardim Japonês
Jardim Japonês

Fuerza Bruta

Não consigo definir bem o que é o Fuerza Bruta. Um espetáculo maravilhoso, singular, encantador. Acontece no Centro Cultural Recoleta, fomos quarta-feira e pagamos $310 pesos, compramos antecipadamente em uma loja no centro, comprando na hora me parece que o valor fica em $280 pesos mas não quisemos arriscar de deixar pra comprar na hora e ter esgotado. Vale muito a pena.

Fuerza Bruta
Fuerza Bruta

Alfajores

Existe infinitas marcas e qualidades de alfajores, Comprei 4 diferentes. Caminito me parece um excelente lugar para comprar Alfajores e doces de leite. Lá comprei o delicioso doce de Leite Patagônia 500 gramas por $90 pesos e uma caixa com 40 alfajores da marca Guaymallen por apenas $140 pesos. Ele não é o alfajor mais gostoso que já comi mas vale pelo preço e bom para presentear muitas pessoas. No Carrefour ( Av. Independecia, 456) comprei 2 caixas com 6 unidades do Alfajor Jorgito e uma caixa com 6 unidades do alfajor negro. Pela nota do mercado não sei especificar qual preço paguei em cada, mas as 3 caixas, com um desconto do mercado saíram por $172,50 pesos. Comprei também o mais famoso alfajor Argentino, o HAVANA, a caixa com 12 saiu por $ 230 pesos.

Alfajores
Alfajores

Farmacity

Farmacity é a drogaria Pacheco de Buenos Aires. Tem em praticamento toda esquina. Lá é possível encontrar cosméticos em excelentes preços. Inclusive tem promoções 2 por 1 em diversos produtos o que já é barato pode ficar a matade da metade do preço. Comprei Gel para Barbear Gillette por $ 63,50 pesos, que saiu por R$ 13 reais, aqui no mercado ele custa entre R$ 25,00 e R$ 30, reais. E comprei o desodorante gillette gel cool wave por $ 73 pesos,  equivalente a R4 15 reais, aqui não encontro este desodorante. No carrefour em Belo Horizonte a última vez que pesquisei estava R$ 31,00 reais. Já comprei este desodorante em Buenos Aires por R$ 5,00 reais na promoção 2 x 1.

Vinhos

Vale muito a pena comprar vinhos em Buenos Aires, especialmente em supermercados, e especificamente em mercados de chineses. Comprei vinhos em 3 locais. O que tinha melhor preço Safari Supermarket ( Endereço aproximado: Av. de Mayo, 662) infelizmente perdi a notinha dessa compra, lá foi o lugar que compramos mais.  Compramos também durante a Feira de San Telmo no Supermercado Panda ( Defensa, 326) e no Supermercado Asia (Maipu, 480). Inclusive nessa rua Maipu tem 3 supermercados bem pertos, o que permite comparar os preços.

O preço do Carrefour é mais elevado mas lá é possível encontrar mais opções. Preferi a quantidade do que a qualidade, então comprei vinhos mais populares, alguns desconhecidos, mas que aqui no Brasil está custando algo em torno de R$ 50,00 reais. Os vinhos que tenho anotado são: Postales Del Fin Del Mundo Malbec por $ 68 pesos,  CRUZ ALTA MALBEC por $ 120 pesos e Callia Malbec por $ 69 pesos.

Os outros vinhos custaram entre $50 e $150 pesos ( 10 a 30 reais) mas que aqui no Brasil custam atualmente bem mais caro. Veja abaixo fotos de alguns vinhos comprados na viagem.

Vinhos Argentinos
Vinhos Argentinos

Almoço, lanche e Jantar

As tão gostosas Empanadas estão na faixa de $15 pesos (antes custava $8) a melhor delas você come na Pizzeria La Moderna em San Telmo (Humberto Primo com Chacabuco) um lanche rápido no Burger King Whooper Extreme com batatas e refrigerante “regular” que é maior que o médio no Brasil saí por $150 pesos com tamanho do hambúrguer muito maior também.

img_20161014_220716173

Jantamos uma noite em Puerto Madero no Villegas, comemos duas empanadas de carne de entrada, tomamos 4 chops de Quilmes, pedimos um bife de chorizo e um ojo de bife e de acompanhamento batatas fritas, com cobierto e 10% pagamos cerca de $1100, pesos. Preço um pouco salgado mas a empanada e as carnes valeram muito a pena. Almoçamos no domingo, durante  feira de San Telmo no Don Ernesto, comi um bife de chorizo delicioso e gigante por $190 pesos, veja o cardápio completo abaixo. Fomos também ao Café Tortoni, preço bons, vale a visita.

Don Ernesto Menú
Don Ernesto Menú
Don Ernesto Menú
Don Ernesto Menú

Água

Água em Buenos Aires tem gosto. Prefira as marcas Eco de los andes e Glacial.

Espero ter ajudado, qualquer dúvida pergunte nos comentários.

Obrigado e boa viagem!

Eleições 2016 em Leopoldina MG

Eleições 2016 em Leopoldina MG

Aqui em casa época de eleições é sempre bem movimentado. Meu pai sempre se envolveu com política e em eleições sempre deixando claro suas convicções, seu lado e sem usar a política para benefício pessoal. Sempre em eleições dedica seu tempo, seu carro e etc sem exigir nada em troca. Sempre foi assim, e tenho muito a me orgulhar disso. É triste ver um movimento duplo no país que ao mesmo tempo critica a corrupção no cenário nacional e nas cidades utilizam a prática da velha política, com troca de favores, compra/venda de votos e etc. Aprendi com ele também a nunca ficar em cima do muro e não ter medo de expor as minhas convicções e opiniões. Ao ser muito bem educado, pude desenvolver meu próprio senso critico e ter opiniões muitas das vezes distintas das dos meus pais.166ae4cb-79a4-4c96-9783-36debba3928b

Ao analisar as alianças e a montagem das chapas para prefeito de Leopoldina percebi que não existia nenhuma chapa, com nenhuma proposta de governo que se aproxime com o que eu penso ser o ideal. A velha política ainda está presente, na montagem das chapas, no modo de pensar a cidade e fazer política.

Entretendo, anular o voto não demonstra ser uma atitude inteligente, principalmente por entender que existem diferenças entre as duas chapas concorrentes e diferenças significativas entre os candidatos a prefeito e a vice-prefeito.

De um lado o populismo, o paternalismo, a política suja, o coronelismo, o nepotismo, enfim tudo o que vem da velha política. Para se manter no poder faz-se uma maquiagem na cidade buscando reeleição, compra-se jornais, sites de notícias, jornalistas. Distribui cargos de confianças, verbas e etc favorecendo aliados.

Do outro lado um atual vice-prefeito que diz não poder ter contribuído como queria no seu cargo, com experiência de ter sido várias vezes vereador e presidente da câmara, aliado com um vereador jovem, que durante seu primeiro mandato demostrou ter sido um dos melhores vereadores nos últimos 4 anos. Presenciei sua competência e dedicação na luta dos professores da rede municipal pelo piso salarial. Pessoa que me parece séria, íntegra, honesta e inteligente.

Apesar de não ser a chapa perfeita, é hora de dar um voto de confiança para Breno e Rodrigo. Está na hora de Leopoldina mudar o jeito de fazer política, de gente nova fazer e pensar a cidade.

Na parte de Esportes, que acompanho mais de perto são necessário mudanças urgentes. Criação de cargos e funcionários de carreira para secretária de esportes. Colocar pessoas competentes e que entendam da área e não aliados políticos que não entendam nada sobre o assunto. Colocar um secretário que além de ser da área trabalhe pelo esporte da cidade, sem favorecer A ou B na distribuição de espaços e verbas. Ter um conselho de esportes atuante e independente. Transparência nos gastos e distribuição de recursos. Promover campeonato de bairros promovendo o esporte e o lazer. Promover ruas de lazer. Buscar parcerias para construção de um calendário anual de corridas e caminhadas. Colocar professores de educação física nas academias ao ar livre em parceria com os PSFs. Incentivar a participação de equipes da cidades em campeonatos como os Jogos de Minas. Capacitar e dar suporte aos professores de educação física para buscar recursos através de leis de incentivo ao esporte. Esporte escolar durante todo ano. São algumas propostas que considero ser viáveis e que não requer grandes investimentos.

Para vereador estou apoiando Oldemar Montenari, fez um bom mandato e agora mais experiente vai continuar lutando pelo povo de Leopoldina, com boas ideias para a cultura, educação e o esporte. Sempre me apoiou quando solicitei e tenho certeza que continuará sendo uma voz ativa seja na fiscalização ou na cobrança de ações do executivo de maneira independente.

A Copa do Mundo é nossa? Raio-x dos ingressos da Copa das Confederações

Volto a escrever no blog para falar sobre a Copa de 2014.

Na verdade vou falar sobre a venda de ingressos para a copa das confederações, divulgadas hoje dia 08/11/2012. Essa venda reflete bem o que será a Copa do Mundo. Quem se beneficiará com a copa e qual o papel da população brasileira diante da copa.

A mídia tradicional, na sua grande parte omite as diversas desapropriações, informações sobre demolição, como de escolas como a escola modelo no Maracanã e omite opiniões sobre os gastos em estádios, além de não trazer uma opinião crítica sobre o financiamento público de estádios para depois serem entregues de graça para a iniciativa privada. Informações completas podem ser obtidas em sites de comitês populares da copa.

Vamos aos dados dos ingressos da copa das confederações:

Capacidade total das partidas na Copa das Confederações ( capacidade dos estádios x número de jogos) =  989.378 lugares.

A Fifa informa que pode ocorrer redução na capacidade devido a placas de publicidades, posições de cãmeras e etc. Com isso ela eliminou por reservas de contingência (8.598) e assentos desativados (82.955).

Então a capacidade total de ingressos passa a ser de: 897.825 (-91553, um estádio lotado maior que o maracanã nas 16 partidas desativados pelos motivos citados). Será que há possibilidade da FIFA se aproveitar destes lugares caso não sejam projudicados?

Desses 897.825 lugares 1,2% são reservados para VIPs, 5,1% são destinados a cortesias, 1,3% dos lugares são destinados para a imprensa.

Destaque para cortesia (ingressos de cortesia, reservados para acompanhantes de torcedores com deficiência de mobilidade, delegações das seleções participantes, o Gabinete do Secretário-Geral da FIFA, afiliadas comerciais, observadores e integrantes de equipes médicas e técnicas). São 45,907 ingressos de cortesia.

Tirando as porcentagem citadas o número de ingressos passa a ser de 829.286 (83,8% da capacidade bruta).

60.149 ingressos adquiríveis foram designados à FIFA para o Secretariado da FIFA, as federações afiliadas não participantes, as confederações continentais e outros grupos de clientes da FIFA.

Comitê Organizador Local (COL) e Confederação Brasileira de Futebol (CBF) 24,931 (3% dos ingressos à venda) foram destinados ao LOC e à CBF: 2% para o LOC e 1% para a CBF.

Federações afiliadas participantes (família do futebol) 22.435 ingressos adquiríveis foram designados à família do futebol das federações afiliadas participantes. Esse lote é composto de 700 ingressos por federação por jogo do qual a seleção da federação em questão participar.
Ele tem como objetivo receber autoridades e convidados da federação em questão.

Muitos ingressos, não?  Mas se você pensou que acabou…

Afiliadas comerciais. No total, 138.181 ingressos adquiríveis são designados às afiliadas comerciais.

Detentores de direitos de hospitalidade 86.334 ingressos adquiríveis são designados aos detentores dos direitos de hospitalidade.
Pacotes de hospitalidade estão disponíveis para compra por empresas, bem como membros individuais do público em geral. Pensando em adquirir esses pacotes? entre em http://hospitality.fifa.com/ e veja os valores, cuidado para não cair da cadeira.

Transmissoras parceiras 19.815 ingressos adquiríveis são designados às transmissoras parceiras. Leia-se Rede Globo.

A nova quantidade de ingressos disponíveis passa a ser de: 477.441 ingressos (57,6% do número total de ingressos adquiríveis). Os ingressos adquirivéis corrsponde a 83% da capacidade do estádio. Ou seja 17% já se perde ou sabe-se lá como será ocupado.

Não sou bom de conta mas o total de ingressos disponível para eu, você comprar gira em torno de 50% da capacidade total do estádio. Ou seja, do total investido pelo governo na construção do estádio, apenas 50% serão voltados para a população geral, que terá de comprar ingressos a preços divulgados. Serão 4 categorias de ingressos: os preços vão variar de R$ 28,50 a R$ 418,00 reais.

Ministro do Esporte e grande mídia tem divulgado com entusiasmo que haverá venda para estudantes, pessoas beneficiadas pelo bolsa família e idosos na chamada categoria 4, exclusiva para brasileiros. Mas quer saber qual a quantidade de ingressos para essa categoria? 50 mil ingressos.

Estudantes, por lei, podem adquirir meia entrada para jogos independente do local, pagando 50% do valor. A lei geral da copa tirou esse benefício, colocando apenas na categoria 4. Idosos, acima de 60 anos, continuam obtendo 50% nas outras categorias. Vamos a tabela:

Com essa tabela fica fácil identificar que a FIFA e o COL igualam as 13 milhões famílias beneficiadas pelo bolsa família, 41 mihões estudantes educação básica e demais estudantes, 14,5 milhões de idosos ao reservar 50 mil ingressos para essa significativa parte da população brasileira aos ingressos destinaos para a FIFA,  60.149.

Os ingressos destinao a cortesias, CBF, COL, parceiras comerciais superam de forma significativa os ingressos reservados para a categoria 4.

Mas vão dizer, os estudantes, idosos, podem comprar ingressos em outras categorias. Eu pergunto, qual a parcela da população tem condição financeira de pagar R$150,00, R$ 200,00 reais numa partida de futebol?

O povo é quem vai pagar por essa Copa e verá seu dinheiro ser gasto para turistas, parceiros comerciais, família do futebol, assistirem a copa das confederações, isso sem dizer no que irão se tornar estes estádios após a copa.

Termino perguntando: A copa do mundo é nossa?